CONFUSÃO QUASE TERMINA EM TRAGÉDIA NA SP-304

- Caminhoneiro pensou que seria roubado e policial pensou que se tratava de resgate de presos.

- Dezenas de viaturas e até mesmo o helicóptero Águia participaram da ação.

Uma confusão digna de filme, ocorreu por volta das 12h30 na altura do km 149 da Rodovia Luiz de Queiroz, no sentido Anhanguera, proximidades do limite entre os municípios de Piracicaba e Santa Bárbara d’Oeste. O fato envolveu uma viatura de transportes de presos da Polícia Civil do Estado de São Paulo e um caminhão.

Tudo começou quando o motorista de um caminhão seguia pela via juntamente com seu ajudante, quando o policial que estava no comando viatura da Polícia Civil que realizava o deslocamento de dois presos, pediu passagem pela esquerda e como o caminhoneiro não saiu, o policial mudou para a faixa da direita e ao emparelhar os veículos, o ajudante do caminhão viu uma arma na mão de um dos policiais e assustou-se pensando que se tratava de um roubo. O caminhoneiro por sua vez, jogou o caminhão em cima da viatura com truculência e os policiais, pensando tratar-se de uma tentativa de resgate de presos, atirou em um dos pneus.

Após a sequência de confusões, o caminhoneiro e seu ajudante, assustados, pararam o caminhão e correram para o matagal às margens da rodovia. Os policiais civis, pensando em tratar-se de uma fuga, acionaram a Polícia Militar que em poucos minutos chegaram, juntamente com o helicóptero Águia para auxiliar na ocorrência. Ao notarem a presença das viaturas, o caminhoneiro e seu ajudante foram ao encontro dos policiais e explicaram que só agiram desta maneira por pensarem que estavam sendo vítimas de roubo.

Ao solucionarem a situação, os policiais civis escoltaram o caminhão até Piracicaba, onde irão elaborar o Boletim de Ocorrência. O trânsito na Rodovia Luiz de Queiroz voltou a fluir com normalidade às 14h00 e neste momento, não há pontos de congestionamento em todo o trecho entre Piracicaba e Americana.